Portal da Prefeitura de Curitiba

voltar

principal
  • miniatura
  • miniatura
  • miniatura
  • miniatura
  • miniatura
  • miniatura
  • miniatura
  • miniatura
  • miniatura
  • miniatura
  • miniatura
  • miniatura
  • miniatura
  • miniatura
  • miniatura

Parque dos Peladeiros

Instituto Futebol de Rua inaugura sede com presença de Greca e estudantes

12/07/2018 17:53:00

O prefeito Rafael Greca participou nesta quinta-feira (12/7) da cerimônia de Inauguração da sede do Instituto Futebol de Rua, no Parque dos Peladeiros, no Cajuru.

O espaço foi construído por voluntários da Lionsraw, em terreno cedido pela Prefeitura de Curitiba, para realização de atividades do projeto de inclusão educacional para crianças e adolescentes em situação de risco social.

O projeto usa o futebol como estímulo para melhorar a aprendizagem. Oferece aulas do esporte  associadas ao acompanhamento pedagógico e a promoção de práticas saudáveis.

“Agradecimento é a memória do coração”, disse Greca, que estava acompanhado do vice-prefeito Eduardo Pimentel. “Queremos agradecer os parceiros pela realização do projeto e as escolas por trazerem os curitibinhas para usarem o parque”, completou o prefeito.

Estudantes em ação
A cerimônia de inauguração teve uma programação especial que mobilizou um grupo de 225 estudantes das escolas municipais Anita Merhy Gaetner, Álvaro Borges, Senador Enéas Farias e Joaquim Távora, beneficiados com as atividades do projeto. Os meninos e meninas participaram de um festival de futebol, de um show artístico e de interação entre atletas e as crianças.

Greca contou aos presentes sobre a criação do Parque dos Peladeiros, construído para evitar a invasão da área, às margens da BR 277. “Agora, o que queremos ver surgir no Cajuru são novos campeões do mundo, para o Brasil, quem sabe para Inglaterra ou França. Nossa ideia é que vocês, usando esse espaço, se tornem saudáveis, cresçam em beleza, inteligência e complementem o seu período escolar”, falou o prefeito às crianças.  

O prefeito cumprimentou o CEO da Lionsraw, Jonh Burns, e o fundador e diretor executivo do Instituto Futebol de Rua, Alceu Campos Natal Neto, pela realização da primeira fase do projeto, com a implantação da sede em área pública.

Greca destacou que a Prefeitura já aprovou a segunda etapa do projeto, que prevê na mesma área, uma nova construção, desta vez voltada á realização de ações culturais.

O projeto da continuação das obras foi doado pelo renomado arquiteto francês Pascal Goujon, que esteve presente à inauguração. “O projeto terá continuidade para o bem de Curitiba e alegria das nossas crianças”, afirmou Greca.  

Fãs
A construção da sede do Instituto Futebol de Rua foi financiada e construída, tijolo por tijolo, por voluntários da Lionsraw, uma organização não governamental inglesa que mobiliza fãs do futebol do mundo inteiro que acreditam na mudança social por meio do esporte.

O terreno, no Parque dos Peladeiros, no número 190 da rua Antônio Moreira Lopes, foi cedido pela Prefeitura de Curitiba, como contrapartida às ações esportivo-pedagógicas desenvolvidas pelo Instituto Futebol de Rua, executora do projeto com as crianças.

“A Lionsraw existe por uma grande causa, encontrar amigos que amam futebol e ver o que juntos podemos fazer para ajudar pessoas e comunidades a melhorarem as suas vidas. Encontramos no projeto desenvolvido pelo Instituto Futebol de Rua uma forma de ajudar pessoas em Curitiba”, disse o CEO da Lionsraw, Jonh Burns.

Copa
A parceria entre o município, instituto e ONG teve início em 2013, durante os preparativos para a realização da Copa do Mundo no Brasil, quando 350 voluntários ingleses e australianos da Lionsraw vieram para o Brasil para acompanhar o mundial, investir e construir a edificação, repassada ao instituto.

“Jogamos em prol da inclusão esportiva, cultural e social de crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade. Vocês ajudaram a tornar nosso sonho realidade”, disse o diretor Natal Neto.

Oficinas
Em Curitiba, o projeto Futebol de Rua pela Educação atende estudantes de quatro escolas municipais, com acompanhamento pedagógico e oficinas de futebol de rua, para incentivar crianças e adolescentes em situação de risco a adotarem práticas saudáveis como o estudo e o esporte.

As atividades acontecem desde 2008, quando voluntários da instituição desenvolviam atividades em escolas participantes do programa Comunidade Escola, que mantém abertas unidades escolares nos fins de semana.

Em 2013, por meio de um Termo de Cooperação Técnica firmada entre a Gerência de Projetos Educacionais, da Secretaria Municipal da educação e o Instituto, as ações do projeto passaram acontecer também como atividade de contraturno escolar das quatro escolas municipais.

A participação das crianças prioriza os estudantes com dificuldade no rendimento escolar, baixa frequência, dificuldade de relacionamento e comportamento com pais, colegas, funcionários e professores.

“Participar do projeto é uma estratégia para resgatar a auto-estima e desenvolver nestes estudantes o interesse pelos estudos e pelo esporte”, disse a secretária municipal da Educação, Maria Sílvia Bacila.

Desde que foi lançado, o projeto beneficiou mais de onze mil estudantes. Atualmente, aproximadamente 320 estudantes de quatro escolas municipais participam do projeto nas ações de contraturno escolar.

O instituto também desenvolve projetos de inclusão educacional em cidades dos estados de São Paulo, Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Rio de Janeiro.

Presenças
Estiveram presente à cerimônia de inauguração o cônsul britânico, Adam Paterson, o secretário municipal do Esporte e Lazer, Emílio Emilio Trautwein, a administradora Regional do Cajuru, Adriana Cristina dos Santos, e a vereadora Julieta Reis. Também estiveram presentes o diretor executivo do Instituto Futebol de Rua, Oscar Muxfeldt Neto, o diretor  do Legado Lionsraw Curitiba, Chris Agar, o diretor da Lionsraw Marselha, na França, Alex Desbons, os diretores, Paul Hutechimon (administrativo), Simon Clase (financeiro) e o manager, Malcom Knot

Compartilhe

Leia mais

Mais lidas